Curso: TÉCNICO EM ELETROMECÂNICA SENAI/CE - Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
telefone(85) 4009.6300

TÉCNICO EM ELETROMECÂNICA

Objetivo

Preparar profissionar para realizar a manutenção, a montagem e atuar em projetos elétricos e mecânicos de máquinas e equipamentos, de acordo com normas técnicas, de saúde, segurança e ambientais vigentes.

Pré-requisito

Para realizar a matrícula, o interessado deverá:
- ter concluído o Ensino médio ou estar cursando no mínimo o 2º ano do ensino médio.

A matrícula poderá ser efetivada por interessados (ou responsável legal) com a apresentação de cópias dos seguintes documentos:
- histórico escolar e certificado de conclusão do ensino médio ou declaração da escola comprovando que o aluno está devidamente matriculado e frequentando regularmente, no mínimo, o 2º ano do ensino médio;
- carteira de identidade ou carteira nacional de habilitação;
- cadastro de pessoa física – CPF;
- comprovante de residência;
- duas fotos 3X4 atualizadas.

Observação: Para o recebimento do Certificado/Diploma é necessário informar um e-mail válido.

Conteúdo

  • FUNDAMENTOS ELÉTRICOS
    • 1. Dados e informações
    • 1.1. Seleção
    • 1.2. Sistematização
    • 1.3. Organização
    • 1.4. Apresentação
    • 2. Desenho técnico elétrico
    • 2.1. Representação de esquemas elétricos
    • 2.2. Introdução ao Desenho
    • 2.2.1. Desenho artístico e desenho técnico
    • 2.2.2. Planta baixa
    • 2.3. Desenho elétrico
    • 2.3.1. Simbologia
    • 2.3.2. Diagramas multifilar e unifilar em planta baixa, de circuitos elétricos de instalações prediais
    • 2.4. Leiaute
    • 2.5. Normas
    • 2.5.1. Normas para desenho elétrico.
    • 3. Eletricidade
    • 3.1. Eletrotécnica
    • 3.1.1. Matéria (estrutura atômica dos materiais)
    • 3.1.2. Grandezas Elétricas
    • 3.1.3. Tensão Elétrica
    • 3.1.4. Corrente Elétrica
    • 3.1.5. Resistência Elétrica
    • 3.1.6. Potência Elétrica
    • 3.1.7. Unidades de medida das grandezas elétricas
    • 3.1.8. Instrumentos de medidas
    • 3.1.9. Corrente Contínua e Corrente Alternada
    • 3.1.10. Resistividade elétrica
    • 3.1.11. Materiais condutores, semicondutores e isolantes
    • 3.1.12. Circuitos Elétricos
    • 3.1.13. Circuito Série
    • 3.1.14. Circuito Paraledlo
    • 3.1.15. Circuito Misto
    • 3.2. Leis de Ohm
    • 3.2.1. Primeira Lei de Ohm
    • 3.2.2. Segunda Lei de Ohm
    • 3.3. Leis de Kirchhoff
    • 3.3.1. Primeira Lei de Kirchhoff
    • 3.3.2. Segunda Lei de Kirchhoff
    • 3.4. Magnetismo e Eletromagnetismo
    • 4. Ética
    • 4.1. Ética nos relacionamentos sociais
    • 5. Instrumentos de medição
    • 5.1. Tipos, características, princípio de funcionamento e aplicações
    • 5.2. Medidas elétricas
    • 5.2.1. Princípio de funcionamento dos instrumentos de medida
    • 5.2.2. Analógicos
    • 5.2.3. Digitais
    • 5.3. Características básicas dos instrumentos de medida
    • 5.3.1. Escala
    • 5.3.2. Precisão
    • 5.3.3. Sensibilidade
    • 5.3.4. Posição
    • 5.3.5. Isolação
    • 5.4. Instrumentos e grandezas
    • 5.4.1. Voltímetro
    • 5.4.2. Amperímetro
    • 5.4.3. Ohmímetro
    • 5.4.4. Megôhmetro
    • 5.4.5. Multímetro
    • 6. Materiais, ferramentas e equipamentos
    • 6.1. Tipos, características e aplicações
    • 6.2. Dispositivos elétricos, instalação e manutenção elétrica
    • 6.2.1. Ferramentas manuais e elétricas para o eletricista (aplicações, manuseio e zelo na utilização)
    • 6.3. Condutores elétricos
    • 6.3.1. Bitola e capacidade de condução
    • 6.3.2. Tipos e aplicações
    • 6.3.3. Dimensionamento e cálculo de demanda
    • 6.4. Tipos de instalações
    • 6.4.1. Fios ou cabos isolados instalados em eletroduto aparente ou embutidos
    • 6.4.2. Fios ou cabos isolados instalados em leitos de cabos em eletrocalha
    • 6.5. Utilização de normas e catálogos técnicos
    • 7. Resolução de Problemas
    • 7.1. Identificação de problemas
    • 7.2. Alternativas de solução
    • 8. Segurança no trabalho
    • 8.1. Sinalização de segurança
    • 8.2. Equipamentos de proteção
    • 8.3. Agentes agressores à saúde
    • 8.4. Riscos em eletricidade
    • 8.5. Primeiros socorros
    • 8.6. Acidentes de trabalho: tipos, características e prevenção
  • FUNDAMENTOS MECÂNICOS
    • 1. Cálculo Técnico Aplicado à Mecânica
    • 1.1. Unidades de medida
    • 1.2. Múltiplos e submúltiplos
    • 1.3. Cálculo de rpm
    • 1.4. Velocidade de corte
    • 1.5. Relação de transmissão
    • 1.6. Perímetro de peças dobradas e curvadas
    • 1.7. Relações trigonométricas aplicadas à mecânica
    • 1.8. Cálculo de área aplicado à mecânica
    • 2. Comunicação
    • 2.1. Oral: técnicas de argumentação e apresentação
    • 2.2. Escrita: estrutura de frases, parágrafos e textos
    • 2.3. Formal
    • 2.4. Informal
    • 2.5. Interpretação de imagens
    • 2.6. Elementos da comunicação
    • 2.7. Coesão e coerência
    • 2.8. Produção de textos: descrição, dissertação, relatório, carta, ata, memorando, ofício, trabalho de aula, currículo profissional, memorial descritivo
    • 3. Desenho Técnico
    • 3.1. Cotagem
    • 3.1.1. Regras de cotagem
    • 3.1.2. Representação das cotas
    • 3.1.3. Símbolos e convenções
    • 3.1.4. Cotagem de detalhes
    • 3.2. Perspectivas
    • 3.2.1. Perspectiva isométrica
    • 3.2.2. Perspectiva cavaleira
    • 3.3. Introdução ao desenho técnico
    • 3.3.1. Importância
    • 3.3.2. Instrumentos
    • 3.3.3. Linhas
    • 3.3.4. Caligrafia
    • 3.3.5. Formatos de papeis, dobras, margens e legendas
    • 3.3.6. Normas aplicadas ao desenho técnico
    • 3.4. Projeções ortogonais
    • 3.4.1. Projeções em 1º e 3º diedros
    • 3.4.2. Vistas essenciais
    • 3.4.3. Supressão de vistas
    • 3.4.4. Vista auxiliar
    • 3.4.5. Vista auxiliar simplificada
    • 3.4.6. Rotação de detalhes oblíquos
    • 3.5. Escalas
    • 3.5.1. Escala natural
    • 3.5.2. Escala de ampliação
    • 3.5.3. Escala de redução
    • 3.6. Tolerância dimensional
    • 3.6.1. Representação
    • 3.6.2. Sistemas de tolerância ISO
    • 3.6.3. Estados de superfície
    • 3.7. Representação em corte
    • 3.7.1. Hachuras
    • 3.7.2. Linhas de corte
    • 3.7.3. Corte parcial
    • 3.7.4. Meio corte
    • 3.7.5. Corte total
    • 3.7.6. Omissão de corte
    • 3.7.7. Seções
    • 3.7.8. Rupturas
    • 4. Equipes de trabalho
    • 4.1. Trabalho em grupo
    • 4.2. Relações interpessoais
    • 5. Ferramentas da Qualidade
    • 5.1. 5S
    • 6. Informática
    • 6.1. Editor de texto
    • 6.2. Planilha eletrônica
    • 6.3. Informação e Informática
    • 6.3.1. Conceitos
    • 6.3.2. Fontes
    • 6.4. Sistema Operacional
    • 6.4.1. Hardware e seus periféricos
    • 6.4.2. Software aplicativos e utilitários
    • 6.4.3. Conceitos de Sistema Operacional
    • 6.4.4. Área de trabalho, meu computador, painel de controle
    • 6.4.5. Calculadora, jogos, relógio, bloco de notas, agenda, ferramentas de disco
    • 6.4.6. Operações: criar pastas; copiar, recortar e colar; remover e renomear pastas e arquivos
    • 6.5. Compactação / Descompactação
    • 6.5.1. Antivírus
    • 6.6. Tipos
    • 6.7. Efeitos
    • 6.8. Proteção
    • 6.8.1. Internet / Intranet
    • 6.9. Usenet
    • 6.10. Ftp
    • 6.11. Download
    • 6.12. Upload
    • 6.12.1. Outlook Express
    • 6.13. Email Certificado
    • 6.14. Assinaturas
    • 6.15. Segurança
    • 6.15.1. Internet Explorer
    • 6.16. Configuração
    • 6.17. Navegação
    • 7. Manuais e Catálogos
    • 7.1. Conceitos
    • 7.2. Aplicações
    • 7.3. Interpretação
    • 7.4. Vocabulário técnico
    • 8. Metrologia
    • 8.1. Conceito, histórico e aplicação
    • 8.2. Normas aplicadas à metrologia
    • 8.3. Medidas e convenções
    • 8.4. Métodos de medição
    • 8.5. Instrumentos de medição
    • 8.5.1. Traçador de alturas
    • 8.6. Instrumentos de controle
    • 8.6.1. Blocos padrão
    • 8.6.2. Gabaritos
    • 8.7. Tolerância dimensional
    • 8.8. Conceito, aplicação e normas
    • 9. Pesquisa Aplicada
    • 9.1. Metodologia científica ABNT
    • 9.2. Pesquisa bibliográfica
    • 9.3. Pesquisa de campo
    • 9.4. Análise de dados e informações
    • 10. Organização de dados e informações: tabelas, gráficos, organogramas, planilhas
    • 11. Pesquisa e análise de informações
    • 11.1. Técnicas de Pesquisa
    • 11.2. Fontes de consulta
    • 11.3. Seleção de informações
    • 11.4. Análise das informações e conclusões
    • 12. Procedimentos técnicos
    • 12.1. Conceitos
    • 12.2. Aplicações
    • 12.3. Interpretação
    • 12.4. Vocabulário técnico
    • 13. Processos de Fabricação
    • 13.1. Processos de Corte
    • 13.1.1. Cortes mecânicos
    • 13.1.2. Cortes térmicos
    • 13.1.3. Cortes termoquímicos
    • 13.1.4. Cortes químicos
    • 13.2. Processos de Conformação Mecânica
    • 13.2.1. Laminação
    • 13.2.2. Trefilação
    • 13.2.3. Forjamento
    • 13.2.4. Fundição
    • 13.2.5. Dobramentos e repuxos
    • 13.2.6. Injeção de metais
    • 13.3. Processos de Usinagem Mecânica
    • 13.3.1. Torneamento
    • 13.3.2. Fresamento
    • 13.3.3. Retificação
    • 13.3.4. Furação
    • 13.3.5. Brochamento
    • 13.3.6. Brunimento
    • 14. Qualidade Total
    • 14.1. Conceito
    • 14.2. Eficiência
    • 14.3. Eficácia
    • 14.4. Melhoria contínua
    • 15. Solicitação de Serviço
    • 15.1. Nomenclatura
    • 15.2. Tipos
    • 15.3. Características
    • 15.4. Aplicações
    • 15.5. Vocabulário técnico
    • 16. Tecnologia mecânica
    • 16.1. Materiais
    • 16.1.1. Propriedades dos materiais
    • 16.1.2. Processos de obtenção
    • 16.1.3. Formas comerciais
    • 16.1.4. Normas e padronização
    • 16.1.5. Armazenamento de materiais
    • 16.1.6. Uso racional de materiais
    • 16.2. Elementos de máquina
    • 16.2.1. Tipos, características e aplicações de elementos de máquinas
    • 16.3. Ferramentas
    • 16.4. Máquinas e Equipamentos
    • 17. Utilização de Tutoriais (Técnicos)
  • MONTAGEM DE SISTEMAS DE CONTROLE E ACIONAMENTOS ELETROMECÂNICOS
    • 1. Automação
    • 1.1. Integração de Sistemas
    • 1.1.1. Análise de fluxogramas de automação
    • 1.1.2. Parametrizações típicas de sistemas elétricos, mecânicos, pneumáticos e hidráulicos
    • 2. Ética
    • 2.1. Ética nos relacionamentos sociais e profissionais
    • 2.2. Ética no uso de máquinas e equipamentos
    • 3. Ferramentas e Equipamentos de montagem
    • 3.1. Tipos, características e aplicações de
    • 4. Ferramentas e Equipamentos
    • 4.1.1. Ferramentas de montagem de sistemas pneumáticos e hidráulicos
    • 4.1.2. Equipamentos de montagem de sistemas pneumáticos e hidráulicos
    • 5. Instrumentos de medição
    • 5.1. Tipos, características e aplicações de instrumentos de medição
    • 5.1.1. Manômetros
    • 5.1.2. Vacuômetros
    • 5.1.3. Rotâmetro
    • 5.2. Calibração de Instrumentos de Medição
    • 5.2.1. Certificação de calibração de instrumentos de medição
    • 5.2.2. Institutos responsáveis pela calibração de instrumentos de medição
    • 5.2.3. Importância da utilização de instrumentos de medição com certificados de calibração
    • 6. Racionalização de Energia
    • 6.1. Estratégias de racionalização de energia
    • 6.1.1. Importância da racionalização
    • 6.1.2. Impactos causados pelo desperdício de energia
    • 6.1.3. Racionalização de recursos em sistemas de controle e acionamentos eletromecânicos Sistemas de controle e acionamentos eletromecânicos
    • 6.2. Pneumática e Eletropneumática
    • 6.2.1. Pressão
    • 6.2.2. Vazão
    • 6.2.3. Volume
    • 6.2.4. Velocidade
    • 6.2.5. Força
    • 6.2.6. Temperatura
    • 6.2.7. Dimensões
    • 6.2.8. Propriedades, produção, preparação e distribuição do ar comprimido
    • 6.2.9. Construção e função dos elementos de trabalho
    • 6.2.10. Elementos de sinais, de processamento de sinais e de comandos
    • 6.2.11. Simbologia
    • 6.2.12. Princípio da técnica de comando
    • 6.2.13. Leitura e interpretação de catálogos de fabricantes
    • 6.2.14. Construção e interpretação de circuitos pneumáticos
    • 6.2.15. Estrutura e função dos elementos eletropneumáticos
    • 6.2.16. Construção e interpretação de esquemas eletropneumáticos
    • 6.2.17. Montagem e ajuste de circuitos pneumáticos e eletropneumáticos
    • 6.2.18. Coleta e análise de dados característicos para comissionamento e startup de sistemas pneumáticos e eletropneumáticos
    • 6.2.19. Princípios físicos pneumáticos
    • 6.3. Hidráulica e Eletrohidráulica
    • 6.3.1. Fundamentos físicos da hidráulica
    • 6.3.2. Pressão
    • 6.3.3. Vazão
    • 6.3.4. Volume
    • 6.3.5. Velocidade
    • 6.3.6. Força
    • 6.3.7. Temperatura
    • 6.3.8. Dimensões
    • 6.3.9. Óleos hidráulicos
    • 6.3.10. Grupo de acionamento
    • 6.3.11. Bombas hidráulicas
    • 6.3.12. Função e construção dos elementos hidráulicos
    • 6.3.13. Estudo do controle da velocidade do cilindro
    • 6.3.14. Estrutura e função dos elementos eletrohidráulicos
    • 6.3.15. Construção e interpretação de esquemas eletrohidráulicos
    • 6.3.16. Montagem e ajuste de circuitos hidráulicos e eletrohidráulicos
    • 6.3.17. Coleta e análise de dados característicos para comissionamento e startup de sistemas hidráulicos eletrohidráulicos
    • 6.3.18. Simbologia
    • 6.3.19. Princípio da técnica de comando
    • 6.3.20. Leitura e interpretação de catálogos de fabricantes
    • 7. Trabalho e Profissionalismo
    • 7.1. Competência profissional
    • 7.2. Qualidades pessoais e profissionais
  • MONTAGEM DE SISTEMAS ELÉTRICOS
    • 1. Automação
    • 1.1. Componentes Eletroeletrônicos
    • 1.1.1. Sensores Capacitivos
    • 1.1.2. Sensores Indutivos
    • 1.1.3. Sensores Óticos
    • 1.1.4. Sensores Magnéticos
    • 1.1.5. Sensores Temperatura
    • 1.1.6. Sensores Ultrassom
    • 1.1.7. Sensores de Carga
    • 1.1.8. Encoder
    • 1.2. Dispositivos de automação
    • 1.3. Soft starterInversor de Frequência
    • 1.3.1. Conceitos de funcionamento do inversor de frequência
    • 1.3.2. Variação de frequência
    • 1.3.3. Inversores de frequência tipo PWM
    • 1.3.4. Controle escalar
    • 1.3.5. Controle vetorial
    • 1.3.6. Critérios de aplicação e dimensionamento
    • 1.3.7. Ligações
    • 1.3.8. Parametrização e configuração
    • 1.3.9. Funções especiais dos inversores
    • 1.3.10. Características gerais dos inversores
    • 1.3.11. Alarme de defeitos
    • 1.4. Controlador lógico programável (CLP)
    • 1.4.1. Sistema de comando
    • 1.4.2. Sistema de controle
    • 1.4.3. Conceitos de Controlador Lógico Programável
    • 1.4.4. Histórico
    • 1.4.5. Aspectos de hardware: fonte de alimentação, CPU, memórias, interfaces de entradas e saídas (analógicas e digitais) e outros periféricos
    • 1.4.6. Vantagens da utilização do controlador programável para processos de automação
    • 2. Desenho / Normas Técnicas
    • 2.1. Representação de esquemas elétricos
    • 2.1.1. Diagrama unifilar e multifilar de redes elétricas industriais
    • 2.1.2. Diagrama unifilar e multifilar de circuitos elétricos industriais de força e de comando
    • 2.2. Normas
    • 2.2.1. Normas para desenhos elétricos industriais
    • 2.2.2. Simbologia
    • 2.3. Representação de esquemas de Automação (linguagens específicas)
    • 2.4. Representação de linguagens de programação conforme norma IEC 611313
    • 2.4.1. Texto Estruturado ST
    • 2.4.2. Lista de Instruções
    • 2.4.3. Diagrama Ladder
    • 2.4.4. Diagramas de blocos de função
    • 2.4.5. Grafset
    • 2.5. Leitura, interpretação de projeto de instalações elétricas industriais
    • 3. Educação em Prevenção de Acidentes
    • 3.1. Campanhas de segurança
    • 4. Eletrotécnica
    • 4.1. Circuito em corrente alternada
    • 4.1.1. Resistivo
    • 4.1.2. Indutivo
    • 4.1.3. Capacitivo
    • 4.1.4. Impedância
    • 4.2. Conservação e racionalização de energia
    • 4.3. Efeitos da corrente elétrica
    • 4.3.1. Térmico
    • 4.3.2. Eletrolítico
    • 4.3.3. Calor (efeito Joule)
    • 4.4. Sistemas de distribuição de energia elétrica
    • 4.5. Normas, isolação e aterramento
    • 5. Ferramentas da Qualidade
    • 5.1. Desempenho do Produto
    • 5.2. Atendimento ao Cliente
    • 5.3. Ferramentas da Qualidade: 5W1H; Ishikawa; Diagrama de Pareto; GUT
    • 5.4. Custo/Benefício
    • 5.5. Ciclo PDCA
    • 5.6. Brainstorming
    • 6. Ferramentas e equipamentos
    • 6.1. Ferramentas manuais e elétricas para o eletricista
    • 6.1.1. Tipos
    • 6.1.2. Características
    • 6.1.3. Aplicações de ferramentas
    • 6.1.4. Cuidados e conservação
    • 6.1.5. Manuseio
    • 6.2. Equipamentos elétricos
    • 6.2.1. Aplicações
    • 6.2.2. Manuseio
    • 6.2.3. Cuidados e conservação
    • 7. Instrumentos de medição
    • 7.1. Tipos, características e aplicações de instrumentos de medidas elétricas
    • 7.1.1. Multímetro
    • 7.1.2. Volt Amperímetros tipo alicate
    • 7.1.3. Frequencímetro
    • 7.1.4. Wattímetro
    • 7.1.5. Instrumentos True RMS (conceitos)
    • 7.1.6. Transformador para medição (TC e TP)
    • 7.1.7. Medidor de aterramento
    • 7.1.8. Megôhmetro
    • 7.1.9. Tacômetro
    • 8. Montagem de Sistemas Elétricos
    • 8.1. Dispositivos elétricos
    • 8.1.1. Condutores elétricos
    • 8.1.2. Bitola, capacidade de condução, tipos, aplicações e dimensionamento
    • 8.2. Tomadas industriais e plugues
    • 8.3. Dispositivos de proteção
    • 8.3.1. Disjuntores termomagnéticos, relés térmico de sobrecarga, fusíveis, disjuntor motor, relés de: sub e sobretensão, de falta de fase e sequência de fases
    • 8.4. Dispositivos de comando, controle e sinalização
    • 8.4.1. Chaves e botoeiras com ou sem retenção
    • 8.4.2. Sinalizadores óticos e sonoros
    • 8.4.3. Relés de comando, de interfase, de tempo e contatores auxiliares
    • 8.4.4. Sensores: Indutivo, capacitivo, óptico, sonar, magnético, sensores e controladores de temperatura, chaves auxiliares tipo fim de curso, termostato e pressostato
    • 8.5. Dispositivos de manobra de motores
    • 8.5.1. Motores elétricos trifásicos comandados por chaves manuais de múltiplas velocidades
    • 8.5.2. Motores elétricos trifásicos comandados por chaves magnéticas, montadas em cofres, para partida: direta, direta com reversão, estrelatriângulo, estrela triângulo com reversão, compensada, compensada com reversão, série paralelo, consecutivas e em sequência, múltiplas velocidades, direta com reversão e frenagem (eletromagnética, injeção de corrente contínua e por contra corrente).
    • 8.5.3. Partida suave (soft start) e variação eletrônica de frequência (inversor de frequência)
    • 8.6. Instalação elétrica
    • 8.6.1. Tipos de instalações
    • 8.6.2. Fios ou cabos unipolar ou multipolar instalados em canaletas de PVC
    • 8.6.3. Cabos PP instalados em leitos de cabos, eletrocalha e exposto
    • 8.7. Máquinas elétricas
    • 8.7.1. Princípios de funcionamento, características elétricas, características construtivas, principais tipos, normas, características da rede de alimentação, características do ambiente, características do regime, características em partida, seleção e características da carga acionada de:
    • 8.7.2. Transformadores e autotransformadores monofásicos e trifásicos
    • 8.7.3. Motores elétricos, de corrente alternada, monofásicos e trifásicos
    • 8.7.4. Geradores de eletricidade, alternadores e gerador de corrente contínua
    • 9. Planejamento Operacional
    • 9.1. Organização do trabalho
    • 9.1.1. Definição das etapas de trabalho
    • 9.1.2. Fase de execução
    • 9.1.3. Pontos críticos
    • 9.1.4. Previsão de tempo
    • 9.1.5. Previsão de recursos (recursos humanos, listas de materiais, ferramentas, EPI
    • 9.1.6. Orçamentos (mão de obra, materiais)
    • 9.1.7. Checklist de máquinas e equipamentos
    • 9.2. Noções sobre Logística
    • 9.2.1. Logística
    • 9.2.2. Visão geral de Logística
    • 9.2.3. Noções sobre os seus principais aspectos como meios de transporte de cargas, custos, fretes, tarifações, produtividade, legislação específica e outros temas
    • 9.3. Ferramentas de Informática
    • 9.3.1. Desenho assistido por computador (CAD para elétrica)
    • 9.3.2. Simuladores de circuitos elétricos industriais
    • 10. Projeto
    • 10.1. Análise de projetos elétricos
    • 10.2. Estudo de caso
    • 11. Qualidade Ambiental
    • 11.1. Homem e o meio ambiente
    • 11.2. Prevenção à poluição ambiental
    • 11.3. Aquecimento global
    • 11.4. Qualidade de vida
    • 11.5. Impactos ambientais
    • 12. Segurança no trabalho
    • 12.1. Organização do local de trabalho
    • 12.2. Manuseio de materiais e equipamentos
    • 12.3. Prevenção e combate a incêndio: PPCI
  • MONTAGEM DE SISTEMAS MECÂNICOS
    • 1. Apresentação de dados e informações
    • 1.1. Técnicas de apresentação
    • 1.2. Recursos didáticos de apresentação: multimídia, kits didáticos
    • 2. Equipes de trabalho
    • 2.1. Fatores de satisfação no trabalho
    • 2.2. Estrutura
    • 2.3. Organização
    • 2.4. Responsabilidades individuais e coletivas
    • 3. Gestão de Pessoas
    • 3.1. Técnicas de avaliação dos serviços das equipes de Montagem
    • 3.1.1. Velocidade de Atendimento
    • 3.1.2. Qualidade de Atendimento
    • 3.1.3. Eficácia do serviço
    • 3.1.4. Adaptação e conhecimento ao processo produtivo
    • 3.2. Equipe de montagem tipos, características das áreas de responsabilidade:
    • 3.2.1. Organograma das equipes de montagem
    • 3.2.2. Responsabilidade conforme ocupação profissional (CBO)
    • 3.3. Logística tipos e características de procedimentos de negócios.
    • 3.3.1. Contratos
    • 3.3.2. Prazos
    • 3.3.3. Multas
    • 4. Gestão de Processos
    • 4.1. Fluxos de processos de produção tipos e características
    • 4.1.1. Contínua
    • 4.1.2. Descontinuada
    • 4.1.3. Produção por fases
    • 4.1.4. Produção por encomenda
    • 4.2. Ferramentas e itens de controle de processos produtivos
    • 4.2.1. Carta de Controle de produção
    • 4.2.2. Ordem de Produção
    • 4.2.3. Manual de Procedimentos
    • 4.3. Ferramentas informatizadas para gestão de processos tipos, características e aplicação
    • 4.3.1. Softwares de gerenciamento
    • 5. QSMS
    • 5.1. Normas Ambientais, regulamentadoras e de saúde
    • 5.1.1. ISO14000
    • 5.1.2. NR's
    • 5.2. Descarte de resíduos (gestão)
    • 5.2.1. Aterros Industriais
    • 5.2.2. Estação de Tratamento de Efluentes/Esgotos
    • 6. Resolução de Problemas no trabalho
    • 6.1. Análise de soluções
    • 6.2. Seleção e aplicação de soluções
    • 6.3. Avaliação de resultados
    • 7. Tecnologia de Ferramentas e Materiais
    • 7.1. Ferramentas Tipos, características e aplicações
    • 7.1.1. Ferramentas Manuais
    • 7.1.2. Ferramentas Pneumáticas
    • 7.1.3. Ferramentas Hidráulicas
    • 7.1.4. Ferramentas Elétricas
    • 7.2. Materiais aplicados em montagem de máquinas e equipamentos tipos, características e aplicações
    • 7.2.1. Materiais de construção mecânica
    • 7.2.2. Materiais não ferrosos
    • 7.2.3. Ferros fundidos
    • 7.2.4. Polímeros
    • 7.2.5. Plástico de engenharia
    • 8. Tecnologia de Processos
    • 8.1. Desenhos técnicos mecânico
    • 8.1.1. Tolerâncias de forma e posição
    • 8.1.2. Vista explodida
    • 8.1.3. Elementos de máquinas
    • 8.1.4. Desenho de conjunto
    • 8.1.5. Simbologia de solda
    • 8.1.6. Isométrico de tubulação
    • 8.1.7. Simbologia de acabamento superficial
    • 8.2. Documentos técnicos tipos, características e interpretação
    • 8.2.1. Manual de máquina
    • 8.2.2. Catálogos de fabricantes
    • 8.3. Diagnóstico de dados da montagem mecânica tipos, características e aplicação
    • 8.3.1. Ensaios líquidos penetrantes
    • 8.3.2. Ensaios de partículas magnéticas
    • 8.3.3. Ensaios de ultrassom
    • 8.3.4. Equipamento de endoscopia industrial
    • 8.4. Ferramentas para coleta de dados tipos, características, aplicação
    • 8.4.1. Yoke
    • 8.4.2. Termômetro
    • 8.4.3. Ultrassom Torquímetro
    • 8.5. Procedimentos de montagem mecânica
    • 8.5.1. Tipos, características e aplicabilidade
    • 8.5.2. Montagem de equipamentos
    • 8.5.3. Ajustes de equipamentos de proteção
    • 8.5.4. Marcação de posição de equipamentos
    • 8.5.5. Registro dos parâmetros e ajustes
    • 8.5.6. Técnicas de ajustagem de equipamentos mecânicos
    • 8.5.7. Soldagem (MIG, MAG, TIG, Eletrodo Revestido, Arame Tubular, Arco Submerso e OxiGás)
  • MANUTENÇÃO DE SISTEMAS DE CONTROLE E ACIONAMENTOS ELETRO MECÂNICOS
    • 1. Apresentação de dados e informações
    • 1.1. Técnicas de apresentação
    • 1.2. Recursos didáticos de apresentação: multimídia, kits didáticos
    • 2. Equipes de trabalho
    • 2.1. Fatores de satisfação no trabalho
    • 2.2. Estrutura
    • 2.3. Organização
    • 2.4. Responsabilidades individuais e coletivas
    • 3. Ética
    • 3.1. Código de ética profissional
    • 3.2. Conceitos
    • 4. Gestão de Pessoas
    • 4.1. Técnicas de gestão
    • 4.2. Percepção e diferenças individuais
    • 4.3. Trabalho em equipe
    • 4.4. ATPD
    • 4.5. Processo de mudança
    • 4.6. Liderança
    • 5. Gestão de Processos
    • 5.1. Avaliação de desempenho
    • 5.1.1. Aplicativos gerenciadores
    • 5.1.2. Indicadores de desempenho
    • 5.1.3. Rendimento de equipamentos
    • 5.1.4. Custo x Benefício
    • 5.2. Tipos de manutenção aplicadas a sistemas de controle e acionamentos eletromecânicos
    • 5.2.1. Preventiva
    • 5.2.2. Corretiva programada
    • 5.2.3. Preditiva
    • 5.2.4. Autônoma
    • 5.3. Planos de manutenção
    • 5.3.1. Escalas de prioridades
    • 5.3.2. Atividades preventivas
    • 5.3.3. Definição de rotas de inspeção
    • 5.4. Planejamento das atividades de manutenção
    • 5.4.1. Programação das atividades
    • 5.4.2. Controle das atividades
    • 5.4.3. Recursos materiais
    • 5.4.4. Recursos humanos
    • 5.4.5. Análise de leiaute
    • 5.4.6. Necessidades de treinamento
    • 5.5. Custos
    • 5.6. Indiretos
    • 5.7. Tempos e métodos
    • 5.8. Back log
    • 5.9. Sequência de atividades
    • 5.10. Diretos
    • 6. QSMS
    • 6.1. Normas Ambientais, regulamentadoras e de saúde
    • 6.1.1. ISO14000
    • 6.1.2. NR's
    • 6.2. o Segurança na manutenção
    • 6.2.1. Mapeamento de riscos
    • 6.2.2. Equipamentos de segurança
    • 7. Resolução de Problemas no trabalho
    • 7.1. Análise de soluções
    • 7.2. Seleção e aplicação de soluções
    • 7.3. Avaliação de resultados
    • 8. Tecnologia de Ferramentas e Materiais
    • 9. Tecnologia de Processos
    • 9.1. Interpretação de documentação técnica
    • 9.1.1. Manuais técnicos
    • 9.1.2. Catálogos de fabricantes
    • 9.1.3. Instruções técnicas
    • 9.1.4. Protocolo de comunicação
    • 9.1.5. Simbologia de componentes de automação
    • 9.2. Parametrização e teste de componentes
    • 9.2.1. Sensores
    • 9.2.2. Atuadores
    • 9.2.3. Manipuladores
    • 9.2.4. Servomotores
    • 9.2.5. Inversores de frequência
    • 9.2.6. Soft starters
    • 9.2.7. Controladores lógicos programáveis
    • 9.2.8. Eletroválvulas
    • 9.3. Ajustes em sistemas de controle e acionamentos eletromecânicos
    • 10. Trabalho e Profissionalismo
    • 10.1. Administração do tempo
    • 10.2. Autonomia e iniciativa
    • 10.3. Inovação, flexibilidade e tecnologia
  • MANUTENÇÃO DE SISTEMAS ELÉTRICOS
    • 1. Autorrealização Segurança no Trabalho
    • 1.1. Mapa de riscos
    • 1.2. Inspeções de segurança
    • 1.3. PPRA
    • 2. Gestão de Pessoas
    • 2.1. Técnicas de avaliação dos serviços das equipes de manutenção
    • 2.1.1. Velocidade de Atendimento
    • 2.1.2. Eficácia do serviço
    • 2.1.3. Adaptação e conhecimento ao processo produtivo
    • 2.1.4. Qualidade de Atendimento
    • 2.2. Equipe de manutenção tipos, características das áreas de responsabilidade:
    • 2.2.1. Organograma das equipes de manutenção
    • 2.2.2. Responsabilidade conforme ocupação profissional (CBO)
    • 2.3. Logística tipos e características de procedimentos dos negócios
    • 2.3.1. Contratos
    • 2.3.2. Prazos
    • 2.3.3. Multas
    • 3. Gestão de Processos
    • 3.1. Fluxos de processos de produção tipos e características
    • 3.1.1. Contínua
    • 3.1.2. Descontinuada
    • 3.1.3. Produção por fases
    • 3.1.4. Produção por encomenda
    • 3.2. Ferramentas e itens de controle de processos produtivos
    • 3.2.1. Carta de Controle de produção
    • 3.2.2. Ordem de Produção
    • 3.2.3. Manual de Procedimentos
    • 3.3. Ferramentas informatizadas para gestão de processos tipos, características e aplicação
    • 3.3.1. Softwares de gerenciamento
    • 3.4. Manutenções de sistemas elétricos características e aplicação
    • 3.4.1. Manutenção Corretiva
    • 3.4.2. Manutenção Preventiva
    • 3.4.3. Manutenção Preditiva
    • 3.4.4. TPM
    • 3.5. Métodos de análise de falhas
    • 3.5.1. RCFA
    • 3.5.2. FMEA
    • 3.5.3. FTA
    • 3.5.4. Diagrama de Ishikawa
    • 3.5.5. RCM
    • 3.5.6. TRIZ
    • 3.5.7. Outros
    • 4. QSMS
    • 4.1. Normas Ambientais, regulamentadoras e de saúde
    • 4.1.1. ISO14000
    • 4.1.2. NR's
    • 4.2. Descarte de resíduos (gestão)
    • 4.2.1. Aterros Industriais
    • 4.2.2. Estação de Tratamento de Efluentes/Esgotos
    • 5. Qualidade Ambiental
    • 5.1. Descarte de resíduos
    • 5.2. Reciclagem de resíduos
    • 5.3. Uso racional de recursos e energias disponíveis
    • 5.4. A importância da reciclagem
    • 6. Qualidade de Vida no Trabalho
    • 7. Sistema de Gestão Qualidade
    • 7.1. ISO9001: aspectos centrais
    • 7.2. Sistema de Gestão Ambiental: aspectos centrais da ISO14000
    • 8. Tecnologia de Ferramentas e Materiais
    • 8.1. Ferramentas Tipos, características e aplicações
    • 8.1.1. Ferramentas Manuais
    • 8.1.2. Ferramentas Pneumáticas
    • 8.1.3. Ferramentas Hidráulicas
    • 8.1.4. Ferramentas Elétricas
    • 8.2. Materiais aplicados em máquinas e equipamentos tipos, características e aplicações
    • 8.2.1. Elementos de Trabalho (Motores, Resistências, etc)
    • 8.2.2. Elementos de Comando (Contatores, Inversores, Chaves Manuais,etc)
    • 8.2.3. Elementos de Sinais (Botões, sensores, chaves fim de curso)
    • 8.2.4. Elementos de Processamento de Sinais (Relés, CLP's, Microcontroladores)
    • 8.3. Medições aplicáveis nos testes de funcionamento de componentes elétricos
    • 8.3.1. Continuidade
    • 8.3.2. Resistência
    • 8.3.3. Teste de semicondutores
    • 8.4. Ferramentas informatizadas que acompanham materiais elétricos utilizados na manutenção de máquinas e equipamentos tipos, características e aplicação de
    • 8.4.1. Softwares específicos
    • 9. Tecnologia de Processos
    • 9.1. Documentos técnicos tipos, características e interpretação
    • 9.1.1. Manual de máquina
    • 9.1.2. Catálogos de fabricantes
    • 9.2. Ferramentas para coleta de dados tipos, características, aplicação
    • 9.2.1. Termovisor
    • 9.2.2. Alicates Amperímetro
    • 9.2.3. Wattímetro
    • 9.3. Normas Técnicas aplicáveis à manutenção de sistemas elétricos
    • 9.4. Desenhos técnicos Interpretação
    • 9.4.1. Esquemas Multifilar
    • 9.4.2. Esquemas Unifilar
    • 9.4.3. Diagramas de Automação
    • 9.5. Diagnóstico de dados da manutenção elétrica tipos, características e aplicação
    • 9.5.1. Termografia
    • 9.5.2. Corrente de Partida
    • 9.5.3. Corrente Nominal
    • 9.5.4. Potência Ativa
    • 9.5.5. Potência Reativa
    • 9.5.6. Fator de Potência
    • 9.6. Procedimentos de manutenção elétrica
    • 9.6.1. Tipos, Características e aplicabilidade
    • 9.6.2. Parametrização de equipamentos
    • 9.6.3. Envio de programas de CLPs
    • 9.6.4. Configuração de ligação de motores
    • 9.6.5. Ajustes de Equipamentos de Proteção
    • 9.7. Desmontagem e montagem de conjuntos elétricos Tipos, características e aplicação
    • 9.7.1. Sinalização de conexões
    • 9.7.2. Marcação de posição de equipamentos
    • 9.7.3. Registro das parametrizações e ajustes
  • MANUTENÇÃO DE SISTEMAS MECÂNICOS
    • 1. Disseminação de informações
    • 1.1. Técnicas de Pesquisa
    • 1.2. Preparação de materiais e recursos
    • 1.3. Utilização de recursos audiovisuais
    • 2. Gestão de Pessoas
    • 2.1. Técnicas de avaliação dos serviços das equipes de manutenção
    • 2.1.1. Velocidade de Atendimento
    • 2.1.2. Eficácia do serviço
    • 2.1.3. Adaptação e conhecimento ao processo produtivo
    • 2.1.4. Qualidade de Atendimento
    • 2.2. Equipe de manutenção tipos, características das áreas de responsabilidade:
    • 2.2.1. Organograma das equipes de manutenção
    • 2.2.2. Responsabilidade conforme ocupação profissional (CBO)
    • 2.3. Logística tipos e características de procedimentos de negócios
    • 2.3.1. Contratos
    • 2.3.2. Prazos
    • 2.3.3. Multas
    • 3. Gestão de Processos
    • 3.1. Fluxos de processos de produção tipos e características
    • 3.1.1. Contínua
    • 3.1.2. Descontinuada
    • 3.1.3. Produção por fases
    • 3.1.4. Produção por encomenda
    • 3.2. Ferramentas informatizadas para gestão de processos tipos, características e aplicação
    • 3.2.1. Softwares de gerenciamento
    • 3.3. Métodos de análise de falhas
    • 3.3.1. RCFA
    • 3.3.2. FMEA
    • 3.3.3. FTA
    • 3.3.4. Diagrama de Ishikawa
    • 3.3.5. RCM
    • 3.3.6. TRIZ
    • 3.3.7. Outros
    • 3.4. Métodos de intervenção manutentiva em processos de produção
    • 3.5. Ferramentas e itens de controle de processos produtivos;
    • 3.5.1. Carta de Controle de produção
    • 3.5.2. Ordem de Produção
    • 3.5.3. Manual de Procedimentos
    • 4. Método de Análise e Solução de Problemas
    • 4.1. MASP
    • 5. QSMS
    • 5.1. Descarte de resíduos (gestão)
    • 5.1.1. Aterros Industriais
    • 5.1.2. Estação de Tratamento de Efluentes/Esgotos
    • 5.2. Normas Ambientais, regulamentadoras e de saúde;
    • 5.2.1. NRs
    • 5.2.2. ISO14000
    • 6. Técnicas de Comunicação
    • 6.1. Oral
    • 6.2. Escrita
    • 6.3. Visual
    • 6.4. Interatividade
    • 7. Tecnologia de Ferramentas e Materiais
    • 7.1. Ferramentas Tipos, características e aplicações
    • 7.2. Ferramentas Manuais
    • 7.3. Ferramentas Pneumáticas
    • 7.4. Ferramentas Hidráulicas
    • 7.5. Ferramentas Elétricas
    • 7.5.1. Materiais aplicados em máquinas e equipamentos tipos, características e aplicações
    • 7.5.2. Materiais de construção mecânica
    • 7.5.3. Materiais não ferrosos
    • 7.5.4. Ferros fundidos
    • 7.5.5. Polímeros
    • 7.5.6. Plástico de engenharia
    • 7.6. Instrumentação
    • 7.6.1. Tipos
    • 7.6.2. Características
    • 7.6.3. Aplicações
    • 8. Tecnologia de Processos
    • 8.1. Desenhos técnicos mecânico
    • 8.1.1. Tolerâncias de forma e posição
    • 8.1.2. Vista explodida
    • 8.1.3. Elementos de máquinas
    • 8.1.4. Desenho de conjunto
    • 8.1.5. Simbologia de solda
    • 8.2. Documentos técnicos tipos, características e interpretação
    • 8.2.1. Manual de máquina
    • 8.2.2. Catálogos de fabricantes
    • 8.3. Ferramentas para coleta de dados tipos, características, aplicação
    • 8.3.1. Termômetro
    • 8.3.2. Ferrógrafo
    • 8.3.3. Espectrômetro
    • 8.3.4. Analisador de vibrações
    • 8.3.5. Torquímetro
    • 8.4. Manutenções de sistemas mecânicos
    • 8.4.1. Manutenção Corretiva
    • 8.4.2. Manutenção Preventiva
    • 8.4.3. Manutenção Preditiva
    • 8.4.4. TPM
    • 8.5. Diagnóstico de dados da manutenção mecânica tipos, características e aplicação
    • 8.5.1. Ferrografia
    • 8.5.2. Espectrometria
    • 8.5.3. Análise de vibrações
    • 8.6. Procedimentos de manutenção mecânica
    • 8.6.1. Tipos, Características e aplicabilidade
    • 8.6.2. Parametrização de equipamentos
    • 8.6.3. Ajustes de equipamentos de proteção
    • 8.6.4. Marcação de posição de equipamentos
    • 8.6.5. Registro dos parâmetros e ajustes
    • 8.6.6. Técnicas de ajustagem de equipamentos mecânicos
    • 9. Trabalho em equipe
    • 9.1. Ajustes interpessoais
    • 9.2. Definição de objetivos e metas
    • 9.3. Divisão de papéis e funções
    • 9.4. Intermediação de conflitos
  • EMPREENDEDORISMO
    • 1. Quem sou eu?;
    • 2. Como ser um jovem empreendedor;
    • 3. Criatividade e inovação;
    • 4. O jovem no trabalho;
    • 5. Como identificar oportunidades;
    • 6. Trabalho x emprego;
    • 7. Definindo seu negócio;
    • 8. Escolhas e decisões;
    • 9. Quem é o seu cliente?
    • 10. Sonhos e metas.
    • 11. Planejando as atividdes do negócio;
    • 12. Avaliando meu perfil;
    • 13. Planejamento financeiro;
    • 14. Administração do tempo;
    • 15. Entrevista com o empreendedor;
    • 16. Buscando oportunidades no mercado de trabalho;
    • 17. Comunicação e resultados;
    • 18. Avaliando os projetos;
    • 19. Equipes em ação;
    • 20. Organização para a feira;
    • 21. Avaliação da Feira do Jovem Empreendedor;
    • 22. Despertar empreendedor: um caminho a percorrer.
  • DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS DE SISTEMAS ELETRO MECÂNICOS
    • 1. Arquivamento da documentação do projeto
    • 1.1. Como arquivar se bem sucedido:
    • 2. Melhores práticas
    • 3. Atividades pertinentes
    • 3.1. Identificar os objetivos dos clientes
    • 3.2. Escolha e dimensionamento dos equipamentos, hardware e software dos sistemas a serem utilizados
    • 3.3. Análise das possíveis topologias a serem aplicadas para as redes, interfaces e controladores programáveis
    • 3.4. Quantificação dos recursos humanos necessários, de engenharia e de administração
    • 3.5. Elaboração da proposta técnica e comercial
    • 4. Avaliação do desempenho final
    • 5. Comando Numérico Computadorizado
    • 6. Comunicação com redes industriais e desenvolvimento de interfaces
    • 7. Conceitos e Principais Aplicações de Servoacionamentos
    • 8. Conhecimento em plano de projeto ou plano de ação do projeto
    • 8.1. Resumo do projeto
    • 8.2. Detalhamento do projeto
    • 8.3. Regulamentos
    • 8.4. Planos de planejamento
    • 8.5. Documentos de apoio
    • 8.6. Proposta técnica
    • 8.7. Proposta comercial
    • 8.8. Contrato
    • 9. Controle da documentação
    • 10. Detecção de falhas e solução de problemas
    • 11. Dimensionamento de servoacionamentos
    • 12. Elaboração de programas em ladder
    • 12.1. Lógicas
    • 12.2. Acionamentos
    • 12.3. Condicionamento
    • 12.4. Autorretenção
    • 12.5. Habilitação
    • 12.6. Intertravamento
    • 12.7. Edição
    • 12.8. Compilação
    • 12.9. Simulação de programas
    • 12.10. Transferência de programa
    • 12.11. Análise de circuitos elétricos com comando em CLP
    • 13. Encerramento do projeto
    • 13.1. Encerramento administrativo
    • 13.2. Encerramento dos contratos: (restos a pagar, devolução de materiais e equipamentos que eventualmente sobraram e que estão com o fornecedor)
    • 13.3. Avaliação do desempenho final
    • 13.4. Criação da documentação
    • 14. Ética
    • 14.1. Virtudes profissionais: responsabilidade, iniciativa, honestidade, sigilo, prudência, perseverança, imparcialidade
    • 15. Execução e controle
    • 15.1. Gerenciamento da programação e controle da produção: PCP
    • 15.2. Objetivos
    • 15.3. Principais problemas
    • 15.4. Noções de gerenciamento de projetos
    • 15.5. Desenvolvimento do produto (bem ou serviço)
    • 15.6. Tarefas da equipe que desenvolve o produto
    • 15.7. Tarefas da equipe que efetua o gerenciamento do projeto
    • 15.8. Noções de tarefas do gerente do projeto
    • 15.9. Responsabilidades do gerenciamento do projeto
    • 15.10. Regulamento do acompanhamento da execução
    • 16. Fatores críticos de sucesso
    • 17. Gestão de Pessoas
    • 17.1. Desenvolvimento de pessoal
    • 17.2. Administração de desempenho pessoal
    • 17.3. Comunicação organizacional
    • 17.4. Liderança e motivação na empresa
    • 17.5. Administração de conflitos
    • 17.6. Ética e cidadania
    • 17.7. Criatividade
    • 18. Identificação dos recursos de um projeto
    • 18.1. Necessidade pessoal
    • 18.2. Necessidade de equipamento e materiais
    • 18.3. Necessidades de trabalho de fornecedores externos
    • 18.4. Identificando os recursos de um projeto: Documento (EAP)
    • 18.5. Lista de tarefas
    • 19. Níveis de Normalização
    • 19.1. Noção de Normalização em nível de fornecedores
    • 19.2. Noção de Normalização em nível de empresa
    • 19.3. Noção de Normalização a nível nacional
    • 19.4. Noção de Normalização a nível internacional
    • 19.5. Noção de Normalização a nível regional
    • 20. Noções de Integração
    • 20.1. Regulamento para a monitoração (ou checagem)
    • 20.2. Regulamento para o controle de modificações
    • 20.3. Estabelecendo as responsabilidades
    • 20.4. Avaliação do plano de ação
    • 20.5. A produção de documento escrito
    • 20.6. A aprovação do plano
    • 20.7. A divulgação do plano
    • 21. Normalização do projeto
    • 21.1. Planejamento
    • 21.2. Ciclo de vida do projeto
    • 21.3. Concepção
    • 21.4. Desenvolvimento
    • 21.5. Execução
    • 21.6. Conclusão
    • 21.7. As etapas genéricas de um projeto de desenvolvimento de produto
    • 21.8. Criação
    • 21.9. Estudo de Viabilidade
    • 21.10. Definição de requisitos
    • 21.11. Instalação e Testes
    • 21.12. Encerramento
    • 21.13. Gerenciamento de projetos
    • 21.14. Introdução
    • 21.15. Divisão do projeto em etapas
    • 21.16. Execução de processos gerenciais
    • 21.17. Horizonte de Planejamento
    • 21.18. Planejamento Global
    • 21.19. Planejamento por Etapa
    • 21.20. Planejamento Misto
    • 21.21. Sucesso e Meta
    • 21.22. Escopo e Cronograma
    • 21.23. Recursos Humanos
    • 21.24. O plano do projeto
    • 21.25. Cliente
    • 21.26. Execução e controle
    • 21.27. Acompanhamento
    • 21.28. Atingimento de metas: O dia a dia da gerência do projeto
    • 21.28.1. Reuniões de planejamentos
    • 21.28.2. Resultados do trabalho:
    • 21.29. Acompanhamento da execução
    • 21.29.1. Reuniões de avaliação da execução
    • 21.30. Estabelecimento de metas
    • 22. Normas de qualidade, segurança, meio ambiente e de saúde
    • 22.1. 5W2H
    • 22.2. Ciclo PDCA
    • 22.3. Gerenciamento pela qualidade total: GQT
    • 22.4. O melhoramento ContínuoKaizen
    • 23. Normas e catálogos técnicos
    • 23.1. Normas da ABNT
    • 23.2. Normas da IEC
    • 23.3. Normas de materiais e componentes elétricos
    • 24. Normas Técnicas de Desenho
    • 24.1. Normas Técnicas
    • 24.2. Simbologia gráfica e literal
    • 24.3. Diagramas
    • 24.4. Multifilar
    • 24.5. Unifilar
    • 24.6. Planta baixa
    • 25. Orçamento do projeto
    • 25.1. Estimando o custo das tarefas
    • 25.2. Obtendo o orçamento do projeto: Equipamentos e materiais, mão de obra interna e serviços de fornecedores externos
    • 26. Placa posicionadora de componentes mecânicos
    • 27. Principais documentos de orçamentos
    • 27.1. Tabela dos Produtos de Cada Fase (ou Subproduto do Projeto)
    • 27.2. Cronograma físicofinanceiro do projeto
    • 27.3. Gráficos
    • 28. Processo de compras
    • 29. Programação do Servoconversor
    • 30. Programa de computador
    • 30.1. Software para gerenciamento de custos
    • 31. Quadro de riscos
    • 31.1. Atividades preliminares
    • 31.2. Preenchimento do quadro de riscos
    • 32. Recursos e custos
    • 32.1. Introdução
    • 32.2. Gestão de projetos
    • 32.3. Investimento em projetos de engenharia
    • 32.4. Lugar da economia no projeto de Engenharia
    • 32.5. Custos indiretos
    • 32.6. Acabamento
    • 32.7. Embalagem
    • 32.8. Mão de obra
    • 32.9. Materiais e sobras
    • 32.10. Ferramentas especiais
    • 32.11. Espaços
    • 33. Regulamentação
    • 33.1. Conhecer a metodologia de desenvolvimento de projetos
    • 33.2. Noções de PMBOK (Planning, Management Body of Knowledge)
    • 33.3. Noções de Integração
    • 33.4. Abertura do projeto
    • 33.5. Escopo
    • 33.6. Documento de abertura do projeto
    • 33.7. A estrutura de composição do projetoEAP: estrutura analítica do projeto ou WBS: Work Breakdown Structure
    • 34. Riscos
    • 35. o Conceito de risco
    • 35.1. Fonte de riscos
    • 35.2. Probabilidade e impacto que poderá haver do projeto caso ocorra o evento de risco
    • 36. Riscos: contramedidas
    • 36.1. Identificando
    • 36.2. Plano de ação das contramedidas
    • 37. Softwares dedicados
    • 37.1. Linguagens de programação conforme norma IEC 611313 (Texto Estruturado Supervisão
    • 37.2. Processo de compras
    • 37.3. Lógica Matemática Aplicada
    • 37.4. Software específico
    • 38. Tecnologia da Informação
    • 38.1. Software específico
    • 38.2. Editor de textos
    • 38.3. Editor de slides
    • 38.4. Fotos, imagens
    • 38.5. Projeto assistido por computador
    • 39. Trabalho e Profissionalismo
    • 39.1. Empreendedorismo
    • 39.2. Planejamento profissional: ascensão profissional, formação profissional,
    • 40. investimento educacional
    • 40.1. Empregabilidade
    • 40.2. Sustentabilidade

Carga Horária

1200 Horas

Mais Informações

* Informamos que este curso só ocorrerá se for atingido o número mínimo de alunos por turma.
SENAI - Departamento Regional do Ceará | CNPJ: 03.768.202/0001-76
Av. Barão de Studart, 1980 - 1º andar - Aldeota - Fortaleza/CE - CEP: 60.120-024
Política de Privacidade & Copyright